Urubici, Santa Catarina (Parte 1) – Viagens no mapa
Viagens no Mapa

Urubici, Santa Catarina (Parte 1) – Viagens no mapa

Urubici, Santa Catarina (Parte 1)

Postado por em 18/07/2019 em América do Sul, Fim de semana (SP)


Urubici é um pequeno município situado nas serras catarinenses e cercado por muitas belezas naturais. Fica a 168 km de Florianópolis (que pode ser percorrido de carro em 2,5 horas) e a 311 km de Joinville (ou seja, 5 horas de carro). É possível visitá-la em um feriado prolongado ou com mais calma, pois há tantos lugares bonitos por perto que não é possível visitar todos em apenas 3 ou 4 dias. Nós chegamos de carro, saindo de Joinville, e passamos 3 dias por lá. Os principais atrativos são os cânions e cachoeiras.

Já havíamos visitado a região uma vez no carnaval de 2013. Na ocasião, conhecemos o Morro da Igreja/Pedra Furada, a Serra do Corvo Branco e a Serra do Rio do Rastro, em Bom Jardim da Serra, que fica a uma hora de Urubici. Nessa segunda vez, chegamos no pico do inverno, e visitamos outros pontos, como o Morro do Campestre e o Cânion Espraiado.

Morro do Campestre
Cânion Espraiado

O Morro da Igreja/Pedra Furada, fica em uma área militar dentro do Parque Nacional São Joaquim (que é imenso e também possui áreas nos municípios de Orleans, Grão Pará e Lauro Muller). Para visitá-lo, é preciso pegar uma autorização no site do ICMBio. São concedidas 200 autorizações por dia. Na alta temporada, essa autorização se esgota rapidinho, então é preciso se planejar. Quando fomos em 2013 não tinha nada disso. Já dessa última vez, na alta temporada, não tínhamos autorização e não conseguimos visitá-lo. Segundo o site do ICMBio, a estrada de acesso ao morro está passando por reforma, e por este motivo estão limitando mais a visitação.

Existem muitos outros lugares incríveis na região, nos municípios vizinhos, como Bom Jardim da Serra e São Joaquim, que queremos explorar nas próximas viagens. Alguns deles são: Cânion do Funil e o Cânion da Ronda.

Parte das atrações da região fica em propriedades particulares, sendo necessário pagar um valor de entrada ao proprietário. Isso ocorre por exemplo no Cânion Espraiado, no Cânion do Funil e no Cânion da Ronda. Além disso, as estradas para alguns desses lugares não estão em boas condições, sendo necessário percorrê-las com veículos 4X4, ou a pé. Alguns proprietários também oferecem um serviço de passeio, que inclui transporte em veículo 4×4 e diminui as chances de atolar na lama ou quebrar o carro.

A seguir, seguem os detalhes dos dois passeios que fizemos:

Cânion Espraiado (Urubici – Parte 2)

-Morro Campestre (Urubici – Parte3)

Dicas de viagem

O que comer: Entrevero, no restaurante A Taberna e a sequência de trutas no Casa Negra Trutaria
Descobertas gastronômicas: Entrevero
Mês para visitar: o ano todo
Lugares imperdíveis: Cânion Espraiado, Morro do Campestre, Serra do Rio do Rastro, Serra do Corvo Branco
Onde ficamos: Numa cabana do AirBnb

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Posts relacionados:

,